CÔNSUL GERAL DE CUBA EM SÃO PAULO DENUNCIA BLOQUEIO NO EVENTO CELEBRADO EM RÍO DE JANEIRO.

Rio de Janeiro, 23 de setembro de 2017. Durante a realização do seminário convocado pelo Partido Comunista Marxista-leninista e o Jornal Inverta, comemorando o centenário da revolução russa, o 150º aniversário do livro o Capital e os 50 anos da queda em combate do Guerrilheiro Heroico, o cônsul-geral de Cuba em São Paulo, Nélida Hernández Carmona fez um discurso no qual ressaltou a coincidência destas datas que lavram um marco na história dos povos.

Também a diplomata cubana se referiu ao bloqueio sofrido pela ilha há mais de meio século, e como o povo cubano tem-se crescido ante as dificuldades impostas por este e tem prosseguido sua marcha imparável para seu desenvolvimento, mantendo e defendendo sua independência, soberania e seu direito à autodeterminação.

Ele, do mesmo modo, assinalou os prejuízos económicos ocasionados em virtude do bloqueio e que apesar disso, Cuba continuou exercendo seu princípio de solidariedade com os povos quem precisarem, como agora que os irmãos do Caribe foram atingidos por dois furacões poderosos: Irma e Maria, enquanto Cuba também sofreu grandes danos devido à passagem do ciclone Irma.

O evento foi realizado na Universidade do estado do Rio de Janeiro (UERJ) e participaram por volta de 500 pessoas.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s