Conclui visita oficial a Namíbia delegação cubana

Pretoria, 17 nov (Prensa Latina) Uma delegação encabeçada pelo Herói da República de Cuba, Antonio Guerreiro, concluiu hoje uma visita oficial a Namíbia durante a qual sustentou encontros com autoridades locais para ampliar as relações entre os dois países no setor da construção.
O vice-presidente da Organização Superior de Direção Empresarial (OSDE) de Desenho e Engenharia da Construção, quem está acompanhado da arquiteta Rubí Despaigne, presidenta da União de Empresas do Caribe (Uneca), iniciou em Guiné Equatorial um percurso pelo continente africano que culminará na próxima semana em África do Sul.

Durante sua estadia em Namibia, Guerreiro e Rubí, junto ao embaixador Giraldo Mazola, entrevistaram-se com dirigentes dos ministérios de Desenvolvimento Urbano e Rural, da Construção e com diretores da empresa estatal com a que se negocia a construção de uma fábrica de medicamentos.

Fontes da embaixada cubana em Windhoek informaram a Imprensa Latina em Pretoria que a delegação assistiu ontem à noite a uma gala de arrecadação de fundos para o próximo congresso do governante partido Organização do povo de África do Sudoeste (SWAPO, por suas siglas em inglês).

Também indicaram que a representação cubana sustentou um encontro amistoso com a vice-primeira ministra e Ministra de Relações Internacionais e Cooperação de Namíbia, Netumbo Nandi-Ndaitwa.

A agenda incluiu assim mesmo um intercâmbio com os colaboradores cubanos que brindam seus serviços na capital Namíbia.

Como fechamento, o Herói da República de Cuba e seus acompanhantes visitaram a escola Fidel Castro, localizada num antigo bairro da capital segregado durante o apartheid, com capacidade para mais de mil 200 alunos.

Ali Guerreiro plantou uma árvore de moringa, originário do norte da índia e que o líder histórico da Revolução Cubana fez famoso em nível internacional pelas suas numerosas propriedades benéficas para a saúde.

Em declarações para Prensa Latina por via telefônica desde a capital de Namíbia, o embaixador Mazola disse que em 25 de novembro, em ocasião do primeiro aniversário da morte de Fidel Castro serão plantados outros 400 árvores de moringa.

A delegação cubana chegará hoje a África do Sul na última escala de seu percurso por países africanos.

Fonte: Prensa Latina

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s