Celebram em #Cuba aniversário 40 da Brigada Antonio Maceo

Havana, 20 dez (Prensa Latina) O presidente do Instituto Cubano de Amizade com os Povos (ICAP), Fernando González, realçou a valentia dos emigrados cubanos que trabalham na defesa da soberania nacional, no aniversário 40 da Brigada Antonio Maceo.
No ato efetuado na sede do ICAP, nesta capital, González destacou o labor de um grupo de emigrados da Ilha residentes nos Estados Unidos, que ‘enfrentam ao terrorismo justo no mesmo palco onde convive com os inimigos mais acérrimos de nosso povo, esse segmento ultra reacionário da direita extremista de origem cubano em Miami, que tem causado inúmeros danos a nosso país’.

Em suas palavras, González rendeu merecida homenagem ao jovem Carlos Muñiz Varela, membro desta brigada, assassinado em Porto Rico em 28 de abril de 1979 por terroristas de origem cubano.

O também Herói da República de Cuba recordou que a brigada Antonio Maceo ‘contribuiu a edificar uma nova relação entre o governo revolucionário e sua emigração’.

Sublinhou que o líder histórico da Revolução cubana, Fidel Castro, ‘com sua visão estratégica com respeito à emigração, já no ano 1978 convidava aos emigrados a um diálogo construtivo com o Governo, o qual pôs de manifesto, em conferência de imprensa com jornalistas cubanos e norte-americanos, celebrada em Havana nesse mesmo ano’.

No ato, que esteve presidido ademais por Josefina Vidal, diretora geral da direção Estados Unidos no Ministério de Relações Exteriores; Jorge Arias Díaz, vice-chefa do departamento de Relações Internacionais do Comitê Central do Partido Comunista de Cuba, e Ernesto Soberón, diretor de Assuntos Consulares e Cubanos Residentes no Exterior, usou da palavra Andrés Gómez, presidente e fundador da Brigada Antonio Maceo.

O jornalista e ativista cubano residente em Miami destacou que a brigada ‘tem estado presente a todas as grandes batalhas de nosso povo, temos sido chaves em conseguir uma política migratória bem mais justa, que em realidade conseguiu, entre outras coisas, arrebatar à potência imperial estadunidense a utilização de nossa emigração contra nosso povo’.

Disse -ademais, que nestes 40 anos, a Brigada Antonio Maceo trabalhou a favor da defesa de um povo ‘que conseguiu sua verdadeira independência e suas plenas liberdades como nação livre’.

Fonte: Prensa Latina

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s